Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Neabi

Publicado: Sexta, 06 de Abril de 2018, 09h15 | Última atualização em Quarta, 10 de Abril de 2019, 18h06

Índice de Artigos

 

 

 

O Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indígenas - Neabi do Campus Itapina, é um órgão colegiado vinculado à Direção de Ensino - Diren e tem como missão a formulação de políticas visando à implementação da Lei 10.639/03 e a Lei 11.645/08 que instituem o ensino da história e da cultura afro-brasileira e indígena no currículo básico nacional.

O Neabi é um espaço em formação, cujo propósito é discutir as relações etnicorraciais na sociedade brasileira, buscando fomentar estudos de ensino, pesquisa e extensão, a partir do desenvolvimento de programas e projetos em diversas áreas do conhecimento.

Ao Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indígena do campus Itapina cabe também sistematizar, produzir e difundir conhecimentos, saberes e fazeres que contribuam para a promoção da equidade racial e dos direitos humanos, tendo como perspectiva a superação do racismo e outras formas de discriminações, visando a consolidação da cidadania e dos direitos das populações negras e indígenas.

A coordenação do Neabi no Campus Itapina é exercida pela Servidora Elisângela Madeira Coelho ou pelos membros da coordenação do núcleo, nos termos da legislação vigente.

 

Coordenação do Neabi
Elisângela Madeira Coelho
Portaria nº 108 – DOU de 08/04/2019 
elisangela.coelho@ifes.edu.br
27 3723-1221

 

Conheça a equipe do Neabi do Campus Itapina

Presidente: Elisângela Madeira Coelho

Vice-Presidente: Karla Percília da Silva Fortes

Secretária: Carla Rejane de Paula Barros Caetano

Membros Servidores: Ana Paola Laeber, Anderson, Antônio Alves Cesário, Adriano Ramos de Souza, Daniel Louzada Casteluber, Dayane Santos de Souza, Fabíola da Silva Francisco, Kátia Silene Zorthéa, Marcelo Durão Rodrigues da Cunha, Marcelo de Almeida Silva e Marluci Iara Simonassi Monteiro.

Membros Discentes: Gabrielly de Oliveira Santos, Laila Moura e Gabriela Breda dos Santos.

Clique aqui e acesse o Regimento Interno do Neabi.

Para saber mais sobre a Lei nº 10.639/03, clique aqui.

Para saber mais sobre a Lei nº 11.645/08, clique aqui.

Clique aqui para baixar a portaria do Neabi.

 


São atribuições do Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indígenas - Neabi do Campus Itapina:

I - Promover, orientar e publicar estudos e pesquisas que possam contribuir para uma melhor compreensão das questões relacionadas à temática étnico-racial africana e da cultura afro-brasileira;

II - Manter e estimular a aquisição de acervo científico e didático a respeito da ERER;

III - Oferecer à comunidade acadêmica e científica e aos queatuam no sistema de ensino, informações sobre a produção a respeito da ERER;

IV - Promover seminários, conferências e outras atividades que divulguem e discutam os resultadosdas pesquisas e de experiências;

V - Promover em colaboração com outros órgãos competentes, cursos para profissionais que atuam na área da ERER;

VI - Prestar assessoria e consultoria a grupos de estudo, pesquisa sobre ERER para as Instituições de Ensino Superior e de Educação Básica;

VII - Promover intercâmbio com outras instituições similares, relacionadas à temática étnico-racial africana e da cultura afro-brasileira;

VIII - Contribuir para formação de estudantes de cursos técnicos integrados e subsequentes, de graduação e pós-graduação, por meio de sua inserção em projetos de pesquisa e extensão desenvolvidos pela comunidade acadêmica;

IX - Estudar os problemas sociais relacionados direta e indiretamente com a melhoria das condições de vida da sociedade brasileira, especialmente de grupos negros e afrodescentes;

X - Promover estudos e pesquisas destinadas à compreensão da realidade social, política, econômica e cultural nacional, com ênfase nos espaços urbanos e rurais de habitantes negros e das comunidades de tradição negra (quilombolas);

XI - Realizar cursos, pesquisas, estudos, planos e projetos, mediante a parcerias, convênios e contratos com instituições públicas, privadas e ONGs;

XII - Pesquisar, registrar, preservar e difundir bens patrimoniais da memória e da formação histórico-social e religiosa afrodescente e indígena;

XIII - Incluir os colegiados no sentido de incentivar os departamentos e professores(as) na realização de ações/projetos de implementação da Lei nº 10.639/03 que acrescentou os Art. 26-A e 79-B da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional - LDB;

XIV - Promover a integração acadêmica com os diferentes cursos do campus, juntamente com os coordenadores de cursos, estimulando a publicação de estudos e pesquisas relacionadas às culturas africanas e indígenas. 


Este espaço no site do Neabi foi idealizado para que a comunidade escolar e acadêmica do Campus Itapina possa desfrutar de artigos e publicações que reflitam e dialoguem com a missão e a proposta de criação do Neabi.

Sinta-se a vontade e desfrute desse espaço.

Para indicar artigos e trechos de livros entre em contato com a Coordenação do Neabi pelo telefone (27) 3723-1221.

No Brasil, todo mundo é índio, exceto quem não é

130 anos do fim da escravidão no Brasil: aboliu-se também a discriminação

O que é Racismo Cultural - Silvio Almeida

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página